Atualizado em

Distante cerca de 50 km da cidade de Cortina d’Ampezzo se encontra um dos lagos mais procurados das Dolomitas. O super fotografado Pragser Wildsee – ou no bom e velho italiano, Lago di Braies – é considerado um must do em meio aos Alpes Italianos. De lago desconhecido à lago instagramável, o lugar vem ganhando fama mundo afora, principalmente nas redes sociais. E embora eu tenha precisado ver para crer, todo mérito é corretíssimo. E por isso estou aqui, contribuindo para que essa fama aumente ainda mais. Afinal, beleza natural é o que não falta!

Lago di Braies Outono
E essas cores de outono do Lago di Braies?

->VEJA TAMBÉM:

-Dolomitas, tudo o que você precisa saber sobre essa região dos Alpes Italianos
Roteiro pelas Dolomitas: uma viagem de carro nas montanhas da Itália

Lago di Braies, perfeita combinação entre montanha e água verde esmeralda

Quando vi uma foto do Lago di Braies pela primeira vez três coisas chamaram a minha atenção: a cor da água, as montanhas no entorno e os barquinhos que ficam por lá. Bom, os barcos ficaram para a próxima, pois apesar de ser possível navegar pelo lago, na época em que o visitamos não estava rolando esse passeio. Novembro, quase inverno, sabem como é, né? No entanto, o verde da água estava incrível e as montanhas ainda mais especiais com a neve nos seus picos. Nossos amigos Lu e Euclides do Casal a Bordo estiveram no lago durante o inverno e a paisagem já era outra completamente diferente.

Lago di Braies
Isso não é cenário de filme, gente?

Eu esperava chegar no Lago di Braies e encontrar muitos visitantes e isso aconteceu. De certo, foi onde nós mais vimos turistas nas Dolomitas. Mas o lago estava longe de estar lotado. Vimos muitas famílias curtindo o dia, crianças brincando, casais passeando e grupos turísticos. Mas ainda assim, mesmo com uma galera andando pra lá e pra cá, o lugar era de uma paz absurda.

Lago di Braies
O clássico Follow Me rs

Como chegar do Lago di Braies

O carro é a melhor forma de se chegar no Lago di Braies. Dá pra ir de ônibus? dá. Mas se prepare para uma longa viagem de quase duas horas, com uma parada e uma troca de ônibus em Villabassa.

Lago di Braies
Tão fotogênico, né, gente?

Como nós estávamos hospedados em Cortina d’Ampezzo (veja o que fazer em Cortina d”Ampezzo) e estávamos com um carro alugado, levamos cerca de 50 minutos no trajeto. A estrada é boa e ao longo dela existem outros lagos e atrações que valem a parada. A minha dica é que você realize essas paradas durante o seu trajeto de volta, desta forma você chegará no lago mais cedo e consequentemente irá encontrá-lo mais vazio.

Como fizemos a nossa road trip pelas Dolomitas durante a baixa temporada, tivemos muita sorte em relação aos estacionamentos e circulação nas vias no geral. Em vários lugares conseguimos parar gratuitamente e só não conseguimos seguir de carro no acesso para o Rifugio Auronzo (Veja mais: Rifugio Auronzo e a trilha para Tre Cime di Lavaredo) .

Estacionamento

No caso do Lago di Braies, estacionamos no estacionamento mais próximo ao lago e se andamos 10 minutos até ele, andamos muito. Na alta temporada o acesso a esse estacionamento é proibido de 11 às 13 horas, sendo necessário parar o carro com mais de 2 km de distância. A partir daí você pode seguir a pé ou então pegar um ônibus que costuma passar a cada 20 minutos e custa 3 euros. Sem dúvidas que parar bem pertinho do lago tem um custo e nosso caso foi de 6 euros por algumas horinhas. Puxado, né? Mas tudo bem. Dirigir na Itália tem dessas coisas e ninguém quer sair de lá com uma multa.

Estacionamento
A vista do estacionamento já é linda!

O que fazer no lago

Caminhar em volta do lago parece ser a principal atividade do local. Mas não pensem que por ser simples, é algo sem graça. Pelo contrario, o trajeto de 3,5 km em torno do Lago di Braies é uma delícia e cheio de surpresas. Não há grandes dificuldades ao longo do caminho e inclusive vimos muitos idosos e crianças o fazendo.

Caminhar pelo lago é uma delícia

No verão é possível nadar em suas águas, que apesar de serem bem geladas, costumam atrair bastante gente. Mas, atenção, pois sua profundidade é de cerca de 36 metros. A voltinha de barco pelo lago também é atividade certa na alta temporada e o preço do passeio é na faixa de 20€. E rola piquenique? Sem dúvidas! Há várias mesas espalhadas por lá e a galera usa e abusa disso!

Mesas para piquenique no Lago di Braies
Mesas para piquenique

No inverno o lago congela e a atração principal muda completamente de cara, mas ainda assim, não perde o charme. A camada de gelo fica tão grande no Lago di Braies que você pode simplesmente caminhar em um lago congelado.

Lago di Braies
Os barcos saem dessa casinha

->Você sabia que o seguro viagem é obrigatório para quem visita a Europa? Apesar de muita gente não saber, os países do Tratado Schengen exigem que o viajante tenha um seguro viagem com no mínimo 30 mil euros de apólice ao entrar no país. Nós sempre contratamos os nossos através da Real Seguros e como eles são bem certinhos, viraram parceiros aqui do blog. Leitor do Carioca Sem Fronteiras tem desconto em todos os seguros oferecidos por eles!

PEGUE SEU DESCONTO DE SEGURO VIAGEM NA REAL SEGUROS

E o que tem no Lago di Braies?

Além do lago em si, há uma capela bem gracinha e um hotel mais gracinha ainda… em todos os sentidos, menos no preço rs. O Hotel Lago di Braies é o único com a vista privilegiada do lago. Aliás, ele é o único por ali e por isso suas tarifas costumam girar na faixa de 800€ durante a alta temporada. Além disso, o hotel também conta com um restaurante. Nós não chegamos a testar, mas pelas avaliações parece ser um bom lugar para uma refeição. Quer dizer, a vista em si já é bem convidativa também, né?

E no caminho até o lago…

Como a região das Dolomitas é cheia de lagos, não falta pit stop em qualquer trajeto que você faça. No caminho de Cortina d’Ampezzo até o Lago di Braies nós passamos por outros dois lagos que chamaram a nossa atenção. Para aproveitá-los com mais calma resolvemos parar somente na volta e foi a melhor coisa.

->VEJA TAMBÉM:

-Lago di Tenno, uma pérola na região de Trentino-Alto Ádige, nos Alpes Italianos
-Confira o nosso roteiro de carro pelas Dolomitas
Conexão em Roma: como aproveitar suas horas na cidade
-Roteiro na Toscana: 3 sugestões para quem vai pela primeira vez

Lago Dobbiaco

O Lago Dobbiaco também foi um dos lagos das Dolomitas que nós mais gostamos. Primeiro porque ele estava bem vazio e segundo porque a cor da água foi uma das mais impressionantes que nós vimos por lá. Além disso, o cenário de montanhas ao fundo é pra fazer inveja em muito lago por aí.

Lago Dobbiaco!
Olhem esse verde do Lago Dobbiaco!

Como estava frio e ventando muito, andamos pouco por lá. Mas foi o suficiente para curtir um pouquinho do local. O lago também conta com um restaurante, barquinhos, pedalinhos e um estacionamento pago.

Lago di Landro

Um pouco menor que os outros lagos, o Lago di Landro também é uma graça e merece uma parada. Como ele fica localizado praticamente beirando a estrada, é super fácil de parar e estacionar. Inclusive, o estacionamento estava gratuito. É claro que montanhas também fazem parte do seu cenário, mas o mais legal para nós foi que suas águas já estavam congeladas, mas ainda assim, estavam verdinhas. Assim como várias outras pessoas, ficamos jogando pedrinhas no lago para ver o que acontecia. rs

Lago di Landro
Não deixem de parar do Lago di Landro… também é uma gracinha!

SIGA AS NOSSAS REDES SOCIAIS E NOS ACOMPANHE EM TEMPO REAL =)
– Instagram: @cariocasemfronteiras
– Facebook: /cariocasemfronteiras

♦PLANEJE A SUA VIAGEM♦

  • Reserve a sua hospedagem através do Booking e garanta as melhores tarifas. Fique tranquilo porque reservando através do nosso blog você não pagará nenhuma taxa extra. E além disso ainda nos ajuda a mantê-lo no ar, criando cada vez mais conteúdos gratuitos e de qualidade.
  • Reserve seus hostels através do Hostelworld e garanta a sua hospedagem nos melhores hostels do mundo.
  • Reserve um apartamento através do AirBnb e ganhe até 179 reais em crédito na sua primeira reserva pelo site.
  • Compre seu seguro viagem com a Real Seguros e tenha os maiores descontos e as melhores formas de pagamento, inclusive parcelando em várias vezes no cartão de crédito
  • Reserve os melhores passeios e experiências com a Get Your Guide e com a Civitatis.
  • Alugue o seu carro com até 60% de desconto. Parcele no cartão e sem cobrança de IOF pela RentCars. Além disso, todo o valor é gerado em reais.
  • Viaje conectado! Compre seu chip de celular da Yes Brasil com internet 4G para usar no exterior.
  • Compre seus ingressos antecipados através da Tiqets e evite filas nas atrações mais famosas do mundo.

Author

Carioca de nascimento. Educadora Física de profissão. Viajante de coração. Apaixonada pelas coisas simples da vida e intrigada pelas complexas. Costuma dizer que adora um sol, mas não dispensa os dias nublados.

8 Comments

  1. Pingback: Dolomitas, tudo o que você precisa saber sobre os Alpes Italianos

  2. Que legal este post! Ótimas dicas, fotos incríveis. Não tive tempo de ir ao Braies, um ótimo motivo pra voltar às Dolomitas. Não sei o que me deixou mais de queixo caído: a paisagem ou o precinho do hotel ahahaha

  3. Pingback: Rifugio Auronzo e a trilha para Tre Cime di Lavaredo

  4. Pingback: Lago di Braies: um espetáculo nos Alpes Italianos. - Blog de Viagem

  5. Olá, Dhebora! Não consegui achar o post onde você relata o roteiro que fizeram pela região das Dolomitas! Em qual post eu acho o reteiro de vocês?

    • Olá, Flávia! Tudo bem?
      Ainda não fizemos o post com o roteiro completo. Em breve ele sairá… =) Mas caso você tenha Instagram, manda um direct pra gente lá que te ajudamos, explicamos nossoroteiro e tiramos suas dúvidas (@cariocasemfronteiras). Se não tiver instagram, manda uma msg na nossa FanPage no Facebook.

  6. Pingback: que cidades da italia visitar e roteiros norte da Italia

Write A Comment