Atualizado em 14 de março de 2021

Um palacete, uma piscina, caminhos por entre jardins bucólicos e vista para o Corcovado. Pronto, esse é um brevíssimo resumo do Parque Lage, um dos pontos turísticos mais visitados no Rio de Janeiro.

No entanto, o Parque Lage tem mais para te oferecer. Cavernas, aquários, muita área ao ar livre e até mesmo um restaurante estão presentes nesse cantinho especial no bairro do Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio. Confira como chegar e o que fazer nesse lugar cheio de vida e história!

Parque Lage Rio de Janeiro
Parque Lage

Parque Lage no Rio de Janeiro: a história

Antigamente o Parque Lage fazia parte do Engenho Del Rey, um antigo engenho de açúcar da região. Suas terras eram tão grandes que iam até as proximidades da Lagoa Rodrigo de Freitas.

Na metade do século XIX um nobre inglês comprou uma parte dessas terras e contratou um paisagista, também inglês, para construir um jardim nos moldes europeus e tornou o lugar uma chácara. Os anos se passaram e essa chácara teve diversos donos até chegar nas mãos de Henrique Lage, que deu nome ao lugar. Aliás, o nome original é Parque Henrique Lage, mas abreviado fica bem melhor, né?

Henrique era casado com uma italiana e em sua homenagem se inspirou nos antigos palácios romanos e remodelou toda a arquitetura do local. Por isso, muitos dos mármores, azulejos e diversos itens utilizados na construção do palacete do Parque Lage foram trazidos da Itália.

Mas com o tempo as dívidas chegaram e Henrique Lage teve que se desfazer da propriedade. Somente em 1957 o Parque Lage se tornou público e foi tombado Patrimônio Cultural, Ambiental e Paisagístico da cidade.

O que fazer no Parque Lage

Com cerca de 52 hectares o Parque Lage faz parte do Parque Nacional da Tijuca e é um refúgio e tanto no Rio de Janeiro. Dentro do parque você encontrará jardins geométricos, lagos e natureza por toda parte.

Você também verá chafarizes, parquinho infantil, ilhas artificias, aquários em algumas paredes e até mesmo cavernas e grutas. Ou seja, o Parque Lage é um daqueles passeios em que podemos relaxar e aproveitar a natureza, mesmo nos dias em que ele recebe mais visitantes.

Gruta Parque Lage
Gruta no parque

O parque também conta com algumas trilhas, tanto as mais curtinhas como as mais longas. Uma das mais famosas é a Trilha do Corcovado, que te levará até o Cristo Redentor em cerca de 3 horas de caminhada moderada.

Porém, a parte boa desse enorme terreno onde se encontra o Parque Lage é que o Cristo Redentor está logo atrás dele, o que significa que você nem precisa fazer trilha para vê-lo.

Aliás, um dos melhores points para você avistar o Cristo é de dentro do palacete, onde a arquitetura do local se une às montanhas, deixa o cenário emblemático e por vezes cria uma fila de pessoas em busca daquela foto.

Também não deixe de visitar o prédio da cavalariça, que era o local onde os cavalos eram guardados na época em que o Parque Lage ainda era uma chácara.

O terraço do Parque Lage

Se você quiser, é possível visitar o terraço do palacete do Parque Lage. E, diga-se de passagem, vale super a pena e rende visuais incríveis!

Para isso, basta comprar algo no valor de R$10,00 na loja de souvenir, ou seja, a cada 10 reais em compras você terá direito a um ingresso.

Plage Café, o restaurante do Parque Lage

O Plage Café é o restaurante que tem dentro do Parque Lage e assim como o Forte de Copacabana, o local também é uma excelente opção para um café da manhã na cidade.

Todas as refeições são servidas à beira da piscina, ao ar livre. E aliás, o cardápio é amplo e conta com vários pratos, sanduíches e sobremesas, além do famoso brunch de café da manhã.

O brunch mesmo eu nunca comi, mas já almocei por lá, comi sobremesa e gostei bastante. Entretanto, vale ressaltar que o restaurante fica cheio, principalmente aos finais de semana. Se for possível, faça uma reserva antes de ir.

Escola de Artes Visuais

Desde 1975 o parque é a casa da EAV, a Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Eles oferecem diversos cursos que abrangem as artes visuais contemporâneas e as demais expressões artísticas, tais como música, dança, teatro, entre outras.

Reabertura do Parque Lage durante a pandemia de Covid-19

Depois de um bom tempo fechado o Parque Lage reabriu para a visitação. Porém, existem várias medidas a fim de se adequar às normas sanitárias para o combate à pandemia de covid-19.

Para começar, o limite máximo permitido é de 1.000 pessoas dentro de toda a área do parque. Entretanto, dentro do palacete eles só estão permitindo 200 pessoas por hora. Para evitar filas de espera, mesmo que essas tenham distanciamento social, o ideal é você agendar o seu horário de visita online.

Reabertura Parque Lage

A entrada no Parque Lage está sendo feita somente pela porta principal. Ao entrar você deverá aferir a temperatura e há álcool gel à disposição. Obviamente, o uso de máscara é obrigatório em todo o parque, inclusive nas áreas do jardim, ao ar livre.

As visitas guiadas não estão sendo oferecidas e eles também não estão permitindo eventos com mais de 10 pessoas. Mesas, cadeiras e vários bancos estão inutilizados, e pessoas que se sentam nas muretas ou se aglomeram estão sendo advertidas. O parquinho infantil está fechado, assim como o aquário, as cavernas, as áreas para piquenique, etc.

Se você pretende visitar o Plage Café há uma fila separada da que foi criada para entrar no palacete. Um funcionário do restaurante é responsável por ir até a parte externa e chamar os clientes. Ou seja, se você comer ou beber algo no bistrô não precisará enfrentar qualquer outro tipo de fila para visitar o interior do Parque Lage. O acesso ao terraço continua liberado de acordo com as regras e valores para visitação.

Como chegar e onde fica o Parque Lage

O Parque Lage fica no Jardim Botânico, um bairro da Zona Sul do RJ. Não é difícil chegar até lá e vários ônibus passam próximo ao parque. Se a sua intenção é ir de transporte público, as linhas 439, 410, 416 e 409 são boas opções. Você também pode ir de metrô, basta pegar a Linha 1 ou 2 sentido Botafogo e em seguida pegar o metrô de superfície sentido Gávea. Desça na estação Hospital da Lagoa.

Por outro lado, se você quer ir de carro, saiba que o local não possui estacionamento e você deverá procurar vaga nas ruas ao redor. Nós já fomos de carro e não tivemos problemas para achar vaga.

Táxi e Uber também rodam bastante por toda a região da Zona Sul.

Horário de funcionamento, preço e dicas importantes

O parque funciona diariamente, das 8:00 às 17:00 e sabe qual é o preço para visitá-lo? Nadinha. Isso mesmo, a visita ao Parque Lage é gratuita.

Além disso, também é possível alugar o espaço para grandes eventos. Mas se esse não é o seu caso, saiba que você pode fazer um piquenique ao ar livre ou pequenos ensaios fotográficos.

Para maiores informações, consulte o site oficial do parque.

Daqui pra onde?

Aproveite que você estará pertinho do Jardim Botânico para conhecê-lo também. Ou então, que tal estender o seu passeio pelo Rio de Janeiro para visitar outros ícones da cidade? Alguns lugares bem legais que valem a visita são o Mirante Dona Marta e a Vista Chinesa.

SIGA AS NOSSAS REDES SOCIAIS E NOS ACOMPANHE EM TEMPO REAL =)
Instagram: @cariocasemfronteiras
Facebook: /cariocasemfronteiras

PLANEJE A SUA VIAGEM

Author

Carioca de nascimento. Educadora Física de profissão. Viajante de coração. Apaixonada pelas coisas simples da vida e intrigada pelas complexas. Costuma dizer que adora um sol, mas não dispensa os dias nublados.

4 Comments

  1. Atração turística que reúne muita história, natureza, vistas e super “instagramável”. Ótimo para se “perder” em uma manhã. Detalhe: O Parque Lage não é pet friendly.

    @LuisConcierge

  2. Fernanda rodrigues Reply

    Eu amei a visita no parque lage ,a dica que vcs compartilharam me ajudou muito a conhecer o local ,vcs me passou todas as informações sobre a entrada muito obgadooooo…ganhou uma seguidora🥰

    • Oi, Fernanda!
      Ficamos muito felizes que conseguimos te ajudar. Que bom que você gostou! Seja sempre bem-vinda! Beijos!!

Write A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.