Canoa Quebrada Ceará

Canoa Quebrada: praia e aventura nas dunas e falésias do Ceará

Há muito tempo atrás, o barco de um navegador bateu nos arrecifes da Costa Leste do Ceará. Havia um vila de pescadores próxima ao local e esse navegador foi até lá pedir ajudar para consertá-lo. O conserto foi em vão, o barco não navegaria mais por esses mares. Como forma de gratidão, esse marinheiro resolveu deixar o barco ali, de presente para um pescador. A embarcação virou referência – Canoa Quebrada, eles diziam. Histórias à parte, hoje em dia essa região é famosa por suas praias, dunas e falésias. E para quem, assim como eu, adora uma adrenalina, aventura é que não falta!

Canoa Quebrada Ceará
Passeando pelas dunas de Canoa Quebrada

Canoa Quebrada – belezas à beira-mar

Se eu pudesse começar esse parágrafo dando um conselho em relação à Canoa Quebrada seria para vocês ficarem mais de um dia por lá. Sim, um bate e volta não foi o suficiente para eu destilar todo o amor que senti por aquele lugar. Mas, trabalhamos com o que temos. E se você só tem um dia no seu roteiro para conhecer esse pedacinho mágico que fica a 160 km de Fortaleza, vá assim mesmo!

Canoa Quebrada Ceará
Praia da região que, mesmo com o dia nublado, estava bastante convidativa

-> Dica de hotel em Fortaleza: fiquei hospedada no Hotel Gran Mareiro, na Praia do Futuro. O quarto era enorme e com um janelão de cima até embaixo, com total vista pro mar. O hotel é bem completo, com piscina, restaurante e um café da manhã incrível.

A bem dizer, acho que os hippies sabem mesmo aproveitar as coisas boas dessa vida. No início da década de 70 esse deveria ser um dos lugares mais Paz e Amor do Brasil. Não a toa, foram eles os responsáveis por começar o turismo no município Aracati e consequentemente, em Canoa Quebrada. O pequeno vilarejo ganhou fama, e nos anos 90 a praia era a mais famosa Ceará.

Hoje em dia, Canoa Quebrada perdeu essa primeira colocação para Jericoacoara. Mas, sua beleza continua ímpar, suas praias continuam incríveis e suas falésias insistem em chamar a atenção de qualquer um que passa por ali. As festas já não são mais tão presentes, mas tem sempre um luau aqui e ali para os mais atentos. Ah, e não posso me esquecer da Brodway (ou Dragão do Mar), a rua mais movimentada do lugar, com lojas, restaurantes, bares e pousadas.

Que tal um passeio de buggy?

Minha visita a Canoa Quebrada tinha um motivo especial. Eu já não me lembrava mais a última vez que havia feito algo desse tipo e estava bem ansiosa para fazer o passeio de buggy pelas dunas e falésias mais famosas do Ceará. Pra variar, assim como no dia anterior durante o tour pela Rota Verde do Café, estava chovendo. Mas São Pedro foi tão gente fina que liberou até uns nuances de sol durante o dia.

Canoa Quebrada
O dia amanheceu tão chuvoso que eu nem acreditei quando vi o céu um pouquinho azul

Já devidamente instalada no buggy, o passeio começou ainda dentro da cidade. Em poucos minutos já estávamos em meio às dunas e ao fundo, o mar como cenário complementar. Sem dúvidas, uma composição paisagística pra ninguém botar defeitos.

Canoa Quebrada
Saindo do vilarejo já demos de cara com um mar maravilhoso!
-> Onde se hospedar em Canoa Quebrada: a maioria das hospedagens seguem um estilo mais rústico, mas ainda assim, há várias opções confortáveis e charmosas por lá. Para os que gostam de lugares com mais requinte, o Ravenala Hotel Boutique e o Hotel & Pousada Tatajuba são boas opções. Quem curte pousadinhas aconchegantes com um bom custo x benefício, a Pousada California e a Pousada Casa Malu Mar fazem bem esse papel. Agora, se você gosta do combo piscina + vista pro mar, dá uma olhadinha na Pousada Azul Marinho.

Com emoção ou sem emoção? Com emoção, é claro! Algumas descidas eram tão íngremes que o frio na barriga era inevitável! Mas, fique tranquilo! Se essa não é a sua vibe, o passeio pode ser adaptado e feito tranquilamente para crianças, idosos e menos aventureiros.

Chegando à beira-mar, era hora de conhecer o point mais famoso de Canoa Quebrada. Mas a meia lua e a estrela são só um detalhe em meio a toda aquele cenário grandioso. A poucos minutos dali, uma paradinha nas Dunas do Pôr-do-sol. Não daríamos adeus ao sol, tanto pelo clima, como pelo tempo que tínhamos disponível, mas o visual do lugar já valeu a parada. E um pouco mais à frente, paramos mais uma vez para apreciar uma vista incrível. Logo fiquei sabendo que era uma criação de camarão.

Canoa Quebrada
Símbolo de Canoa Quebrada e point do lugar!
Canoa Quebrada
Dunas do Pôr do sol
-> Veja mais:

– Beach park: 10 dicas para planejar a sua visita

– Da praia ao asfalto, confira o que fazer em Fortaleza

Tirolesa em Canoa Quebrada

O passeio de buggy ainda contava com mais um pit-stop emocionante. A última parada foi em um local onde era possível fazer tirolesa e esquibunda. Decidi que faria a tirolesa, mas havia dois tipos para escolher. Na dúvida, fiz logo as duas e não me arrependi! A maior, de uma duna para a outra, custava 18 reais. Já a menor, que vai até a água, custava 10 reais.

O passeio terminou com uma última parada não-oficial na beira da praia. Mesmo com o dia meio nublado, as paisagens do nosso Nordeste são sempre encantadoras!

Canoa Quebrada Ceará
Parada não-oficial maravilhosa!

Onde comer

Como o passeio foi um bate e volta saindo de Fortaleza, nossa base em Canoa Quebrada foi a Barraca Chega Mais. Hoje em dia, por conta da erosão, não são mais permitidas barracas na região das falésias. Por isso, muitas delas estão localizadas na área sem falésias, à esquerda da vila, mas ainda assim, de frente para a praia. É o caso dessa e de tantas outras.

A Chega Mais tem uma estrutura enorme, com chuveiros, um salão cheio de mesas, ótimos banheiros, piscina, guarda-volumes e acesso direto ao mar. Mas vale ressaltar que para usar a piscina e o guarda-volumes é necessário pagar uma taxa de 10 reais. A comida do restaurante é gostosa, bem servida e com um preço justo. Para quem vai de carro, o local também conta com estacionamento.

Barraca Chega Mais Canoa Quebrada
Parte interna da barraca

Como chegar

A melhor forma de chegar em Canoa Quebrada é de carro, através da rodovia CE 040, o mesmo caminho para o Beach Park. Para o aluguel do automóvel, indicamos a RentCars, com possibilidades de parcelamento no cartão de crédito. No entanto, quem pretende ir de ônibus também não está desamparado, já que a Viação São Benedito faz o trajeto saindo de Fortaleza. Uma outra opção é fechar um tour através de alguma agência de turismo. Nesse caso, indicamos a Ernanitur. Foi com ela que fizemos todos os passeios em na cidade.

  • Fique de olho no tempo: o “inverno” no Ceará vai de Janeiro à Junho e é esse o período de chuvas no estado. No entanto, isso não significa que você com certeza pegará chuva caso resolva viajar nessa época.
  • Dica esperta: Canoa Quebrada fica em uma região conhecida como Rota das Falésias. A rota possui mais de 200 km e conta com mais de 40 praias em cidades do Ceará até o Rio Grande Norte. Nada mal estender a viagem e conhecer essa parte do litoral, não acham?

O passeio para Canoa Quebrada fez parte de uma Fampress organizada pela Secretaria de Turismo do Ceará e pelo Blog Papo de Turista, cujo o Carioca Sem Fronteiras foi um dos convidados. Apesar do convite, todas as opiniões escritas nesse post expressam a nossa experiência e retratam a realidade, sendo elas positivas ou não. Aqui no blog prezamos pela total transparência com o leitor.

♦PLANEJE A SUA VIAGEM♦

  • Reserve a sua hospedagem através do Booking e garanta as melhores tarifas. Fique tranquilo porque reservando através do nosso blog você não pagará nenhuma taxa extra. E além disso ainda nos ajuda a mantê-lo no ar, criando cada vez mais conteúdos gratuitos e de qualidade.

Compartilhar

Dhebora Sancho

Carioca de nascimento. Educadora Física de profissão. Viajante de coração. Apaixonada pelas coisas simples da vida e intrigada pelas complexas. Costuma dizer que adora um sol, mas não dispensa os dias nublados.

3 thoughts to “Canoa Quebrada: praia e aventura nas dunas e falésias do Ceará”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *