Atualizado em

Talvez vocês não saibam, mas eu tenho um considerável medo de avião. Quer dizer, isso pra não falar que é desesperador haha. Mas como eu curto viajar tanto quanto tenho medo de voar, resolvi fazer esse post para ajudar a quem compartilha dessa mesma situação. Por isso elaborei 7 dicas que podem te ajudar a transformar um voo de avião em um simples passeio de carro. Tá, mentira, isso já é forçar a barra.

 

7 dicas para lidar com o seu medo de avião

 

1 – Escolha um destino e vá!

É isso mesmo! Você não leu errado. O primeiro passo para lidar com o seu medo de avião é ver do que se trata. Assim como eu, muitas pessoas têm pavor de voar sem ao menos ter entrado em uma aeronave. Então entre e sinta como é. Parece loucura, mas foi o que eu fiz. Confesso que foi meio que forçado, mas fiz. haha. Meu primeiro voo foi para Porto Alegre, em uma viagem que tínhamos Gramado como destino final. Sem dúvidas foi horrível, ainda mais porque choveu muito e teve turbulência do início ao fim. Mas estou aqui para falar que valeu a pena.

 

2 – Opte por um voo curto

Não é porque falei para você embarcar logo e ver do que se trata que você irá se arriscar indo para o outro lado do Atlântico. Escolha uma ponte aérea, um voo com poucas horas de duração, por exemplo. Rio de Janeiro x São Paulo pode ser um bom começo.

 

3 – Estude as rotas

Eu sei que soa meio bizarro, mas veja se a rota que o avião fará tem muitas turbulências. Estar ciente do que te espera é menos pior do que
aturar surpresas. Dessa forma você já estará preparado para o que vem pela frente.

 

4 – Escolha o assento de acordo com o seu nível de medo

Eu ri escrevendo essa dica, mas é sério. Eu costumo escolher os assentos do corredor, já que não curto muito olhar pela janela e ver a altura em que estou. Mas eu conheço pessoas que preferem a janela, pois assim elas não se sentem claustrofóbicas.

Medo de avião
Dá pra ver claramente o medo de avião na minha cara, né? Há uns 6 anos atrás ele ainda era bem forte. Olha aí o assento do corredor, como sempre!

5 – Saiba do que se trata um avião

Devido ao meu medo de avião, eu me tornei um “pesquisador” da aviação. Entender como ele voa, saber sobre turbulência, conhecer sua tecnologia, marca de turbina e os modelos de aeronave fará com que você tenha um pouco mais de noção sobre como ele é seguro. Hoje em dia me considero uma pessoa com pouquíssimo medo e boa parte disso se deu pelo fato de eu entender melhor como funciona um avião. Depois de alguns anos viajando, já arrisquei voos mais longos e me sai bem. Em meu último voo para a Itália me saí até bem demais. Consegui até mesmo dormir.

 

6 – Se informe sobre o clima no local no momento da decolagem/voo/pouso

Como mencionei no terceiro item, evite surpresas, pois o coração agradece. Procure saber se estará chovendo no dia da sua viagem, se o destino costuma ventar muito e por aí vai.

 

7 – Se distraia!

Use a abuse de jogos de celular, livros, filmes e etc. Vale qualquer coisa que te distraia e te relaxe, até mesmo ficar de papo com algum desconhecido. Alguma aeronaves oferecem wifi mediante o pagamento de um valor. Caso a internet seja um item que te distraia, reserve uma graninha pra isso, visto que o serviço não costuma ser barato.

Já uma coisa que não vejo muito sentido e que muitas pessoas fazem uso de forma descontrolada e sem prescrição médica são os medicamentos para dormir. Pegar no sono de maneira não natural está longe de ajudar a diminuir o medo de avião. Ademais, você nunca ficará habituado com a sensação de voar. E ainda tem os riscos de uma possível evacuação rápida e você não estar com seus reflexos 100% precisos. Portanto, é algo que eu jamais indicaria.

 

Importante ressaltar:

Vale ressaltar que o medo de avião de forma exagerada pode se tornar uma fobia e assim como inúmeras outras fobias, ela não irá passar ou amenizar apenas com essas dicas. Caso você sinta que seu medo de voar é algo que extrapola os limites do aceitável, talvez seja mais indicado a ajuda de um profissional capacitado. Fora isso, boa viagem!

 

 

♦PLANEJE A SUA VIAGEM♦

 

  • Reserve a sua hospedagem através do Booking e garanta as melhores tarifas. Ao fazer a sua reserva pelo nosso blog você não paga nenhuma taxa extra e ainda nos ajuda a manter o blog no ar, criando cada vez mais conteúdos gratuitos e de qualidade.
  • Alugue o seu carro com até 60% de desconto. Parcele no cartão de crédito sem cobrança de IOF pela RentCars. Além disso, todo o valor é gerado em reais.
  • Ganhe 5% de desconto no seu seguro viagem usando o cupom CARIOCA5 em pagamentos à vista na Seguros Promo. Ou então, parcele em 12 vezes sem juros no cartão de crédito.

 

Compartilhar
Author

Carioca, flamenguista, cervejeiro caseiro e amante de carros. Aquele viajante que morre de medo de voar, mas é apaixonado por conhecer novos lugares.

2 Comments

  1. Adorei o texto e as dicas.
    No meu caso prefiro a janela justamente pela sensação de claustrofobia nos assentos do corredor ou meio.
    Eu também tenho medo, mas sou a primeira da fila!?✈️

    • Rafael Galdino Reply

      Pensando na sensação claustrofóbica, creio que é melhor a janela mesmo. Estou nessa fila também hehehe.

Write A Comment